Cuidados Gerais com pelagem

Quando percebo que um de meus cães está perdendo muito pelo ou está com a pelagem quebradiça e opaca tento rapidamente descobrir a causa do problema. Geralmente um dos sinais de que algo esta errado é percebido na pele e no pelo. Pode ser apenas um troca sazonal, um desequilíbrio na dieta ou um sinal de idade avançada, mas pode também indicar problemas sérios como disfunções hormonais ou estresse devido a uma  doença mais grave. O banho e a escovação não são apenas importantes para garantir a higiene, são importantes também para checar a saúde de seu cãozinho, verificar se possui parasitas, dermatites, tumores etc.

Existem diferentes tipos de pêlos, que variam de comprimento e textura. Há desde cães com chumaços apenas na cabeça e na cauda, como com pelagem lisa até o chão. Todos devem ser escovados com regularidade, banhados quando necessário e muito bem secos, pois o excesso de umidade pode provocar coceiras e dermatites.

Seguem os exemplos mais comuns e como lidar com eles.

Cães de pelo longo (Afghan, Yorkshire, Maltês, Shih Tzu) e de franjas (Cocker, Setter) são mais trabalhosos mas chamam muita atenção quando bem cuidados. Os banhos podem ser semanais, utilizando shampoo neutro, condicionador (pode ser humano, para cabelos secos) e finalizando com condicionador "leave-in" (sem enxague). Precisam de escovação frequente para evitar a formação de nós, de 3 a 7 vezes por semana, dependendo do tamanho e volume da pelagem. Utilize uma escova de pinos, dando maior atenção ao pescoço, orelhas, parte interna das coxas e "axilas". Tente não arrancar ou cortar os nós, é melhor desfazê-los com as mãos. Finalize com o pente, dando especial atenção a orelhas, patas e rabo. Esses cães também podem ser tosados para facilitar a manutenção: além de aparar os pelos com a tesoura, pode-se passar a máquina sob as patas, entre os dedos, parte interna das orelhas e genitais sem comprometer a beleza.

  • Segredinho: para manter-se livre de nós por mais tempo, experimente oléo mineral. Coloque-o em um borrifador de plantas e, após o banho com o pelo já seco, vá borrifando sobre toda a extensão, sempre evitando contato com a pele. O pelo ficará mais sujo e com péssimo aspecto, mas certamente mais protegido até o próximo banho.

Observações:

O intuito deste artigo é apenas orientar proprietários, dando dicas básicas de manutenção.
Os produtos citados são facilmente encontrados em lojas de animais. Shampoos e condicionadores humanos podem ser utilizados mas lembre-se de testá-los antes, o cão pode ser alérgico a algum componente. Coloque um pouquinho do produto na parte interna da coxa e espere 24 horas.
Não fique desapontado se, apesar de toda sua dedicação, seu cãozinho não ficar parecido com aquele da capa da revista. Esses cães são selecionados e criados especialmente para exposições, podendo receber alimentação diferenciada, suplementos e cuidados especiais que variam muito de criador para criador.
Lembre-se que sua dedicação será recompensada com um cão feliz, saudável...e muitos elogios!

 

 

Denise Zibelli
Handler e proprietária do Blazehill Show Dogs
www.showdogs.com.br